Residência

From Rival Regions Wiki
Jump to: navigation, search
This page is a translated version of the page Residency and the translation is 100% complete.

Other languages:
العربية • ‎azərbaycanca • ‎Беларуская • ‎bosanski • ‎Čeština • ‎Deutsch • ‎English • ‎Español • ‎français • ‎हिन्दी • ‎Հայերեն • ‎Italiano • ‎Ligure • ‎Lietuvių • ‎Polski • ‎Português • ‎Português do Brasil • ‎Română • ‎Русский • ‎slovenčina • ‎slovenščina • ‎Shqip • ‎српски / srpski • ‎svenska • ‎Türkçe • ‎Українська • ‎中文

Um Personagem só pode ter uma Residência, podendo mudá-la a qualquer tempo. Ter uma residência permite ao jogador tomar parte nas Eleições, trabalhar (se a região possibilitar o livre-emprego), viajar sem taxas de visto e construir academias militares (20G + 500 energéticos = 70G). Ter uma Residência em qualquer Região do Estado permite a você votar, trabalhar, viajar sem taxas de visto em todo o Estado e construir as academias militares.

A Residência jamais será tomada do seu Personagem, a menos que se mude dela.

Existem casos em que a Residência é emitida pelo Chefe de Estado. Quando tiver uma Lei Específica que deixa livre a tomada de residência, não será necessário solicitar, caso contrário, será necessário requerer uma solicitação para a concessão de Residência e aguardar até que o Chefe de Estado aprove. Você pode solicitar uma Residência, na própria página da Região.

Novamente, quando houve a lei de residência emitida pelo líder, somente o líder do estado decide se você pode tomar residência nas regiões do estado.

Inicial

Todos os novos jogadores começam com uma residência na região que está mais próxima da sua região da vida real ou da região de São Tomé Príncipe (se o jogo não conseguir detectar a sua localização na vida real).

Trabalho

Além de Residência, você pode pedir uma autorização de trabalho. Esta autorização permitirá a você, trabalhar no Estado/Região, sem que seja necessário mudar de Residência.